© DIPEx (www.healthtalkonline.org)

Antes de ter alta, a fisioterapeuta levou-me ao ginásio no andar inferior e no ginásio havia muitas pessoas a fazer vários exercícios físicos e disse-me que eram todos antigos doentes que tinham tido um bypass e fiquei muito impressionado. Estavam a saltar para cima e para baixo, a saltar à corda e a fazer uma forma mais leve de flexões.

Faziam vários exercícios bastante vigorosos e pensei que tinham tido os bypass há dois ou três anos. Perguntei à fisioterapeuta quando tinham tido o bypass e ela virou-se para um dos homens e perguntou, “Quando teve o bypass?”, e ele respondeu, “Há seis semanas”."

E foi assim. Isso abriu-me verdadeiramente os olhos e mais uma vez, foi algo muito positivo. A partir desse momento, eu e a minha esposa sentimo-nos muito otimistas em relação a esta doença.