Por que motivo tem de os tomar

É importante tomar os medicamentos para garantir que obtém os melhores resultados possíveis com o tratamento.

Sugestões e ferramentas para se lembrar de os tomar

  • Ser-lhe-ão prescritos diversos medicamentos para a insuficiência cardíaca, que tem de tomar a diferentes horas do dia. As seguintes sugestões e ferramentas podem ajudá-lo a lembrar-se de tomar os medicamentos à hora certa:
  • Crie uma tabela de parede com os nomes dos medicamentos, a dose e a hora do dia a que tem de os tomar.
  • Compre uma caixa de comprimidos, com etiquetas dos dias da semana e das horas do dia. Normalmente pode comprá-las na farmácia.
  • Encha a caixa no início da semana para o ajudar a manter o controlo.
  • Peça a um familiar ou ao enfermeiro para verificar a caixa, para saber se está tudo bem.
  • Programe um alarme para se lembrar de tomar um medicamento a uma determinada hora. Informe os seus familiares e amigos sobre o seu calendário de medicação, para que possam lembrá-lo.
  • Crie um hábito ou uma rotina ao tomar o medicamento para o ajudar a lembrar-se, por exemplo após lavar os dentes, tomar o pequeno-almoço ou ao jantar.
  • Lembre-se de levar os seus medicamentos consigo quando sair de casa, para garantir que os toma à hora certa.
  • Quando for de férias leve medicamentos suficientes e coloque-os sempre na sua bagagem de mão.
  • Peça novas receitas com antecedência, para garantir que não acabam.
  • Se está com dificuldades em organizar os comprimidos, fale com o seu farmacêutico ou médico de família. Alguns farmacêuticos fornecem embalagens em blister com os comprimidos já organizados em doses diárias.
  • Se não pode sair de casa e tem dificuldades em tomar os seus comprimidos, o seu médico de família poderá solicitar a visita de um enfermeiro ao domicílio para organizar os seus comprimidos numa caixa própria. Os enfermeiros podem fazer domicílios diários para o ajudar a tomar os seus comprimidos, embora este serviço só esteja normalmente disponível se não conseguir tomar os seus comprimidos de outro modo.

Outras prescrições e medicamentos não sujeitos a receita médica

Alguns medicamentos sujeitos a receita médica podem ter interação com os comprimidos que toma e podem causar efeitos secundários se os tomar em conjunto. Não se esqueça que alguns medicamentos não sujeitos a receita médica também podem ter interação com os medicamentos para a insuficiência cardíaca. Confirme sempre com o seu médico/farmacêutico antes de tomar quaisquer outros medicamentos.

Voltar à secção Gerir os seus medicamentos